Éramos o certo que deu errado.

quinta-feira, setembro 04, 2014

Do I Wanna Know? by Arctic Monkeys on Grooveshark



Era sempre tudo exagerado, não tinha meio termo entre nós: Ou era muita atenção de uma só vez, ou era a extrema indiferença sobre o que o outro estava fazendo. Nunca vivemos um dia em que você me ligou sem que tenha sido pra me encher o saco sobre as roupas que deixei espalhadas de manhã antes de ir para o trabalho, mas eu sabia que quando chegasse em casa ficaríamos deitados, abraçados no sofá assistindo um filme até cair no sono.

Nós também nunca fomos em um jantar romântico, desses descritos em livros com aquelas histórias clichês, adoçado de tanta fofura. Quando dava vontade, pedíamos uma pizza ou o prato mais calórico do cardápio, comíamos parecendo homens da caverna, rindo da boca suja um do outro. Era bem mais divertido do que tentar adivinhar qual talher usar em um restaurante chique sob os olhares de pessoas que se julgavam superiores ao resto da população mundial, mas também não tinha o romance e a delicadeza que esperava receber em datas comemorativas do ano.

Eu nos via como Romeu e Julieta que deram errado, entre uma divergência e outra, nos amávamos sem pudor nem piedade. Aprendi com você a ser eu mesma, não ter vergonha de falar o que penso ou de fazer o que quero, era quando estávamos sozinhos dentro de quatro paredes que você descobria minha melhor personalidade, aquela que sabia tomar as rédeas quando necessário, era submissa quando tinha que ser. Talvez, por conta de sermos tão diferentes, completávamos um ao outro. Quando eu sentia vontade, você já vinha para saciá-la, como se adivinhasse. Toda aquela questão de romance e idealizações que toda menina é ensinada a ter desde nova, passava a não existir mais. Era apenas a mais pura versão de mim mesma.

Depois de tantos meses sem te dizer nada, me vi na obrigação de lhe escrever como era sua vida comigo, como era minha vida com você. Eu sei que talvez, algum dia, a gente volte a viver tudo isso de novo, mas, neste momento, estou completamente satisfeita com meu relacionamento narcisista. Estava precisando me amar sozinha, sem ter que me dividir com mais ninguém.

Você também pode gostar de:

3 comentários

  1. Olá Amanda!

    Simplesmente adorei o texto, ficou muito bom e a reflexão feita é ótima. Do I Wanna Know? é uma música que adoro ouvir <3

    Beijos,
    Naty.

    ResponderExcluir
  2. Querida Amanda.
    Parabéns pelo blog.
    As palavras são um apoio, uma espécie de muleta para quando o coração está aleijado.
    Mas tb são múltiplas possibilidades, para quando o coração está ajeitado. rs
    Palavre-se sempre.


    (Me desculpe pela demora da visita, mas prometi e vim rs)

    Bjão

    ResponderExcluir

Subscribe